Introdução à Gestão de Empresas

TeSP - Produção de Atividades para o Turismo Cultural, Publicação em Diário da República - Aviso nº 619/2016 - 21/01/2016 - retificação

4 ECTS; 1º Ano, 2º Semestre, 15,0 T + 30,0 TP

Docente(s)
- Ana Isabel Gaspar Pacheco

Pré-requisitos
Não Aplicável

Objetivos
O aluno no final da unidade curricular deve conhecer os conceitos básicos de gestão e compreender a interligação entre as diversas áreas/funções.

Programa
1. O que é uma organização
1.1. A evolução histórica da teoria das organizações
1.2. Empresa? um caso particular de organização
1.3. A Empresa versus o meio ambiente
1.4. A estrutura da empresa
1.5. Tipos de organização
2. A administração por objetivos
2.1. Origens
2.2. Características
2.3. Fixação de objetivos
2.4. Planeamento estratégico e planeamento tático
2.5. Ciclo da APO
2.6. Apreciação crítica da APO
3. A função produção
3.1. Tipos de processo de produção
3.2. Seleção do processo produtivo
3.3. O controlo da qualidade
3.4. Produtividade
4. A função financeira
4.1. A noção de função financeira
4.2. As ferramentas contabilísticas
4.3. O equilíbrio financeiro
4.4. Rentabilidade e autofinanciamento
5. A função comercial
5.1. Noção de marketing
5.2. A estratégia de marketing
5.3. A análise matricial
5.4. Identificação dos clientes-alvo
5.5. As variáveis do marketing-mix
6. A função dos recursos humanos
6.1. Qual o seu objetivo
6.2. A motivação (principais abordagens)
6.3. A liderança e estilos de gestão
6.4. O que é a gestão do pessoal
6.5. Estratégia dos recursos humanos

Metodologia de avaliação
2 Provas escritas com ponderação de 50% cada (nota mínima de 6 valores). Se os alunos tiverem nota inferior a 6 na primeira prova escrita, são admitidos automaticamente a exame. Se tiverem nota inferior a 6 na segunda prova escrita, são admitidos automaticamente a exame, com classificação final igual à nota da segunda frequência. Os alunos com classificação inferior a 10 valores na avaliação continua são admitidos a exame.
Prova escrita em épocas de exame.


Bibliografia
- Buckingham, M. (2005). Gestor de Sucesso. Lisboa: Biblioteca Exame
- Myers, S. e Brealey, R. (1999). Princípios de Finanças Empresariais. Lisboa: Editora Mcgraw Hill
- Brilman, J. (2000). As Melhores Práticas de Gestão no Centro do Desempenho. Lisboa: Edições Sílabo
- Trigo, V. e António, N. (1991). Pequenas Empresas - Sucessos e Insucessos. Lisboa: Edições Sílabo
- Baranano, A. (2004). Métodos e Técnicas de Investigação em Gestão. Lisboa: Edições Sílabo
- Chapman, S. e Arnold, J. (2000). Introduction to Materials Management. Brasil: Prentice Hall

Método de interação
Sessões de cariz mais teórico com apresentação de conteúdos e sessões de cariz mais práticos com apresentação de temas da atualidade e discussão de case studies; consultas de trabalhos, tendo em consideração os temas apresentados.

Software utilizado nas aulas
Não Aplicável