Informação ao candidato

 

Diretor de Curso

Candidaturas

2ª fase de 16 de Agosto a 29 de Setembro de 2017

Mestrado Europeu em Arqueologia Pré-Histórica e Arte Rupestre

Instituto Politécnico de Tomar

(Mestrado Conjunto Erasmus Mundus - Programa Erasmus + - com o apoio da Comissão Europeia)

 

O Mestrado integra o Master Europeu Conjunto Erasmus Mundus em Quaternário e Pré-História, o que permite aos alunos realizar 30% do curso numa das outras universidades da rede, e obter no final o Diploma Europeu Erasmus Mundus, emitido pelo IPT, Universidade de Ferrara (Itália), o Museu Nacional de História Natural de Paris (França), a Universidade de Tarragona (Espanha) e a Universidade das Filipinas Diliman. O curso decorre predominantemente em Mação, com módulos opcionais em Tomar. No plano da investigação está articulado com o Centro de Geociências da Universidade de Coimbra.

 

Comissão Directiva: Luíz Oosterbeek, Pierluigi Rosina, Silvério Figueiredo.

Outros Docentes: André Soares, Alexandra Figueiredo, Daniel Arsenault, Davide Delfino, Dragos Gheorgiu, Eugénia Cunha, Érika Róbrhan-Gonzalez, Fernando Coimbra, François Djindian, George Nash, Hermínia Sol, Hipolito Collado, Luís Mota Figueira, Luís Santos, Moustapha Sall, Rita Anastácio, Silvério Figueiredo, Sara Cura, Stefano Grimaldi, Ziva Domingos.

 

Candidaturas (2ª fase) de 16 de Agosto a 29 de Setembro de 2017:

Os interessados deverão dirigir requerimento de admissão ao curso, acompanhado de carta dirigida ao Director do Mestrado fundamentando o interesse no curso e a área de especialização pretendida, Curriculum Vitae, fotocópia de certificado de habilitações, fotocópia de bilhete de identidade / cartão de cidadão / passaporte e de nº de contribuinte, e Boletim de candidatura.

Os candidatos que estejam a concluir licenciatura no corrente ano lectivo podem concorrer condicionalmente.

A documentação deve ser enviada dentro dos prazos estipulados, para:

 

Secretariado do Mestrado em Arqueologia Pré-Histórica e Arte Rupestre

Instituto Politécnico de Tomar

Quinta do Contador - Estrada da Serra

2300-313 Tomar - Portugal

 

Tel. (+351) 249 346 363 / Fax. (+351) 249 346 366
Email: mestrados.gri@ipt.pt

 

Condições de admissão: Licenciados em Arqueologia, História, Antropologia, Biologia, Geologia e outras licenciaturas das áreas de Ciências Humanas, da Terra e da Vida. Candidatos de outras áreas científicas poderão ser aceites após análise curricular. Os finalistas de licenciatura 2015/2016 que prevejam terminar até Dezembro de 2016, poderão candidatar-se condicionalmente. Os seleccionados que possuam mais de 180 ECTS de habilitações de acesso, poderão requerer equivalência, total ou parcial, à parte escolar do curso de Mestrado.

 

Seriação de Candidatos: é efectuada pela Comissão Directiva do Mestrado, tendo por base os seguintes critérios, que são idênticos aos definidos pelo Mestrado Europeu Conjunto Erasmus Mundus, num total de 100 pontos:

a) Classificação da Licenciatura (max.20)
b) Carta de motivação do candidato (max.15)
c) Conhecimento de inglês ou francês (max. 10)
d) Conhecimento de outras línguas (max. 5)
e) Experiência profissional em Arqueologia (max.20)
f) Qualificações adicionais, designadamente outros graus académicos ou publicações (Max. 5)
g) Adequação da temática de teses ou publicações anteriores (max. 20)
i) Idade (5 pontos para os menores de 30 anos)

Os candidatos podem ser submetidos a entrevista, sempre que a Comissão Directiva do Curso assim o entenda.

 

Áreas fundamentais de especialização: Arqueologia Pré-Histórica, Arte Rupestre, Tecnologias Pré-Históricas (lítica, cerâmica, metalurgia, arqueologia experimental, traceologia), Arqueologia Latino-Americana, Geo-Arqueologia, Arqueologia Africana, Arqueometria, Arqueobotânica, Zoo-arqueologia, Gestão da Qualidade do Património Arqueológico (Colaboração do Programa HERITY), Teoria da Arqueologia, (outras especializações no quadro da Rede Erasmus Mundus).

 

Bolsas de formação e investigação e estágios de iniciação profissional:

- Bolsas Erasmus Mundus para estudantes de fora da União Europeia

- Bolsas Erasmus Mundus para estudantes europeus

- Bolsa Erasmus de mobilidade para frequência de parte do curso noutra instituição do Mestrado Conjunto Erasmus Mundus Quaternário e Pré-História

- Bolsas inseridas em projetos de investigação no Vale do Tejo (Portugal e Espanha)

- Estágios de inserção profissional na Europa, África e América Latina

 

Empregabilidade de antigos diplomados: 94% (58% a trabalhar em arqueologia; 32% em áreas afins; 38% aceites em Doutoramentos).


Local: O curso decorre predominantemente em Mação, com alguns módulos opcionais em Tomar.


Regime: Presencial.

 

Propina: 2000,00 euros (1000,00 euros /Ano) 

Inscrição 150,00 euros

Seguro escolar anual: 2,00 euros


Matrículas: nos Serviços Académicos do IPT, sendo necessário: fotocópia de cartão de cidadão/passaporte e Nº de Contribuinte, 2 fotos tipo-passe, fotocópia de boletim de vacinas (vacina do tétano actualizada) e preenchimento de boletim de matrícula (a fornecer pelos Serviços Académicos). Deverão ainda pagar a taxa de inscrição (150,00 euros) e seguro escolar anual (2,00 euros).


Início de aulas: Outubro 2017.

 

Organização:

Mestrado em Arqueologia Pré-histórica e Arte Rupestre 2017/2018 (calendário a disponibilizar)

 

 

Candidaturas Mestrado Conjunto Erasmus Mundus "Quaternário e Pré-História": Site da Universidade degli Studi di Ferrara (Itália)