Economia da Saúde

Mestrado em Informática na Saúde (pós-laboral)
5 ECTS; 2º Ano, 1º Semestre, 32,0 T + 16,0 TP + 12,0 OT

Docente(s)

Pré-requisitos

Objetivos
São objectivos:
1 - Descrever genericamente a envolvente económica da saúde
2 - Descrever o mercado da prestação de cuidados de saúde;
3 - Abordar a temática de difusão de tecnologia e o seu impacto na produção de cuidados de saúde;
4 - Analisar o papel do Estado e as consequências da sua intervenção no sector da saúde;
5 - Dotar os alunos de conceitos de justiça social e de realocação de recursos de saúde;
6 - Apresentar um conjunto de métodos usados no âmbito da economia da saúde.
Competências a adquirir pelos alunos:
? Conhecer de um modo geral o âmbito da economia da saúde e do mercado da prestação de cuidados de saúde;
? Possuir conhecimentos no que respeita ao impacto da difusão de tecnologia na produção de cuidados de saúde;
? Conhecer o papel do Estado no sector da saúde e ter consciência das implicações associadas;
? Possuir conhecimentos de âmbito social;
? Possuir conhecimentos relacionados com as metodologias económicas utilizadas no sector da saúde.

Programa
Particularidades do mercado e da produção de saúde;
Análise da procura de saúde e da procura derivada de cuidados de saúde e de seguros de saúde
? Desvios ao modelo de competição perfeita
? Selecção adversa
? Risco moral
? Externalidades
? Informação assimétrica
? Teoria de agência;
Difusão da tecnologia e o seu impacto nos custos e produção de cuidados de saúde;
A análise custo-benefício e a aplicação aos cuidados de saúde;
O papel do Estado e as consequências da sua intervenção no sector da saúde;
Teorias de justiça social e de redistribuição de recursos de saúde face aos problemas de saúde que as sociedades modernas enfrentam, como a obesidade, o envelhecimento da população ou o tabagismo;
Apresentação e análise de um conjunto de abordagens metodológicas usadas frequentemente no âmbito da economia da saúde

Metodologia de avaliação
Atendendo aos objectivos da unidade curricular de Economia na Saúde o método de ensino a praticar consiste na exposição teórica dos conteúdos programáticos previstos (aulas teóricas), na apresentação e discussão de temas com eles relacionados (aulas teórico-práticas). Estão também previstas sessões de orientação tutorial e a utilização da plataforma de e-learning como ferramenta para divulgação de informação, esclarecimento de dúvidas, envio de textos de apoio, fichas de exercícios e outros materiais.

Bibliografia
- Barros, P. (2009). Economia da Saúde: Conceitos e Comportamentos. (Vol. 1). (pp. 1--). Portugal: Livraria Almerinda
- Zweifel, P. e Breyer, F. e Kifmann, M. (2009). Health Economics. (Vol. 1). (pp. 1--). USA: Springer

Método de interação

Software utilizado nas aulas