Avaliação e Qualidade em Património Cultural

Mestrado em Arqueologia Pré-Histórica a Arte Rupestre
3 ECTS; 1º Ano, Anual, 7,0 TP + 12,0 TC + 8,0 S

Docente(s)

Pré-requisitos
Não aplicável.

Objetivos
Introduzir os alunos à problemática da gestão de qualidade e de como ela é hoje colocada nos foros internacionais de gestão de património, sobretudo após o reconhecimento pela Unesco da metodologia HGES. Desenvolver competências na aplicação de tais metodologias.

Programa
Conceitos
Princípios de Gestão de Qualidade
Avaliação
Património Cultural
Modelos de avaliação da Qualidade
Especificidade do património cultural
Foco no consumidor
Liderança
Envolvimento das pessoas
Abordagem processual
Abordagem sistémica à gestão
A gestão sistémica aumenta a eficácia
BenefícioS
Resultados
Decisões baseadas em análises rigorosas
Benefícios: decisões informadas
ETC...

Metodologia de avaliação
Em grupo:
Definir grelhas de avaliação
- Num projecto externo
- Num projecto próprio
Testar (ex: Igreja Matriz, Castelo de Almourol, Museu Ferroviário, etc.)
Apresentar

Bibliografia

Método de interação
Aulas presenciais com exposição e debate, seguidas de construção de projecto de grupo aplicado, com clara definição das responsabilidades individuais dos estudantes.

Software utilizado nas aulas