Higiene e Segurança

Engenharia Química e Bioquímica
3 ECTS; 3º Ano, 2º Semestre, 30,0 TP

Docente(s)
- Paula Alexandra Geraldes Portugal

Pré-requisitos
Não aplicável

Objetivos
Desenvolvimento de competências fundamentais na área da Higiene e Segurança na indústria dos processos químicos.

Programa
1. INTRODUÇÃO
2. PRINCIPAIS RISCOS NA INDÚSTRIA DOS PRODUTOS QUÍMICOS
3. ORGANIZAÇÃO DOS SERVIÇOS DE SEGURANÇA E SAÚDE NO TRABALHO (SST)
3.1 MODALIDADES DE ORGANIZAÇÃO DOS SERVIÇOS DE SEGURANÇA E SAÚDE NO TRABALHO
3.2 FUNCIONAMENTO DOS SERVIÇOS DE SEGURANÇA E SAÚDE NO TRABALHO
4. SINISTRALIDADE LABORAL
4.1 CARACTERIZAÇÃO DOS ACIDENTES DE TRABALHO
4.2 PREVENÇÃO DE ACIDENTES
4.3 GESTÃO DE ACIDENTES DE TRABALHO
4.4 TAXAS ESTATÍSTICAS DE SINISTRALIDADE
4.5 FERRAMENTAS DE TRATAMENTO DE ACIDENTES DE TRABALHO
4.6 SINISTRALIDADE NA INDÚSTRIA DOS PRODUTOS QUÍMICOS
5. INSTALAÇÕES
5.1 CONCEÇÃO DE LOCAIS DE TRABALHO
5.2 ENQUADRAMENTO LEGAL
6. SEGURANÇA E SAÚDE NO TRABALHO – ANÁLISE E GESTÃO DOS RISCOS
6.1 ILUMINAÇÃO
6.2 RUÍDO
6.3 VIBRAÇÕES OCUPACIONAIS
6.4 CONTAMINANTES QUÍMICOS
6.4.1 Classificação dos contaminantes químicos
6.4.2 Principais efeitos fisiológicos
6.4.3 Poeiras
6.4.4 Gases e vapores
6.4.5 Compostos orgânicos voláteis (COV´s)
6.4.6 Avaliação do risco de exposição a contaminantes químicos
6.4.7 Medidas de controlo de risco de exposição a contaminantes químicos
6.5 AMBIENTE TÉRMICO
6.6 RADIAÇÕES
6.6.1 Radiações ionizantes
6.6.2 Radiações não ionizantes
6.6.3 Principais fontes
6.6.4 Medidas de prevenção e proteção
6.7 MOVIMENTAÇÃO MANUAL DE CARGAS
6.8 MOVIMENTAÇÃO MECÂNICA DE CARGAS
6.9 ARMAZENAGEM
6.10 SUBSTÂNCIAS OU MISTURAS PERIGOSAS
6.10.1 Identificação das substâncias químicas utilizadas
6.10.2 Registo, avaliação, autorização e restrição das substâncias químicas (REACH)
6.10.3 Fichas de dados de segurança
6.10.4 Armazenagem e utilização de produtos químicos
6.11 RISCOS ELÉTRICOS
6.12 SEGURANÇA DE MÁQUINAS E EQUIPAMENTOS DE TRABALHO
6.13 EQUIPAMENTOS SOB PRESSÃO
6.13.1 Processo de registo e licenciamento
6.13.2 Instalação de um equipamento sob pressão
6.14 INCÊNDIOS
6.15 ORGANIZAÇÃO DA EMERGÊNCIA
6.16. ATMOSFERAS EXPLOSIVAS
6.16.1 Fundamentos ATEX
6.16.2 Avaliação do risco de explosão
6.16.3 Medidas de prevenção e proteção do risco de explosão
6.16.4 Prevenção de explosão por ação sobre produtos combustíveis
6.16.5 Prevenção de explosão por controlo das fontes de ignição
6.16.6 Trabalho em espaços confinados
6.16.7 Aparelhos para utilização em atmosferas explosivas
6.16.8 Medidas de proteção para limitar os efeitos das explosões
6.16.9 Medidas organizacionais
6.16.10 Manual de proteção contra explosões
7. SINALIZAÇÃO DE SEGURANÇA
7.1 INTRODUÇÃO
7.2 FORMAS DE SINALIZAÇÃO
7.3 SINALIZAÇÃO POR PLACAS
7.4 SINALIZAÇÃO DE OBSTÁCULOS, ZONAS PERIGOSAS E VIAS DE CIRCULAÇÃO
7.5 SINALIZAÇÃO DE TUBAGENS E RECIPIENTES
7.6 COMUNICAÇÃO VERBAL, SINAIS GESTUAIS E SINAIS ACÚSTICOS
7.7 BOAS E MÁS PRÁTICAS DE SINALIZAÇÃO NA INDÚSTRIA DOS PRODUTOS QUÍMICOS
8. EQUIPAMENTOS DE PROTECÇÃO INDIVIDUAL (EPI)
8.1 BOAS PRÁTICAS NA UTILIZAÇÃO DE EPI
8.2 OS EPI NA INDÚSTRIA DOS PRODUTOS QUÍMICOS
9. ERGONOMIA
9.1 PRINCIPAIS RISCOS ERGONÓMICOS NA INDÚSTRIA DOS PRODUTOS QUÍMICOS
9.2 ANÁLISE ERGONÓMICA DOS POSTOS DE TRABALHO
9.3 MEDIDAS PREVENTIVAS
9.4 PSICOLOGIA DO TRABALHO
10. GESTÃO DA SEGURANÇA E SAÚDE NO TRABALHO (SST)
10.1 POLÍTICA DE SEGURANÇA E SAÚDE NO TRABALHO
10.2 PLANEAMENTO
10.3 IMPLEMENTAÇÃO E OPERAÇÃO
10.4 VERIFICAÇÃO
10.5 REVISÃO PELA GESTÃO

Metodologia de avaliação
Prova escrita sem consulta, em época normal ou em recurso, obtendo aprovação com a nota mínima de 9,5 valores.

Bibliografia
- Miguel, A. (2012). Manual de Higiene e Segurança do Trabalho. Porto: Porto Editora
- AEP, . (2011). Manual de Boas Práticas da Indústria dos Produtos Químicos. Lisboa: AEP – Associação Empresarial de Portugal

Método de interação
Aulas teórico-práticas em que são expostos os conteúdos programáticos acompanhados pela apresentação de exemplos e a resolução de exercícios de aplicação.

Software utilizado nas aulas
Não aplicável