Engenharia Química e Bioquímica

Área científica predominante: Engenharias
Diário da República, 2º série - Nº 166 - 30 de agosto de 2011 (Despacho nº 10764/2011), Licenciatura, Primeiro Ciclo. Nível ISCED: 5. Nível EQF: 6., 180 ECTS, 6 semestres, Acreditação A3ES: ACEF/1314/20482, Código oficial do curso: 9184
Escola Superior de Tecnologia de Tomar, Código oficial da escola 3242

Oferecer uma sólida formação cultural, científica e tecnológica, sustentada por uma estrutura curricular e um plano curricular que inclui o permanente contacto com situações reais em laboratório e in situ. O modelo deste ciclo assenta no desenvolvimento de um conjunto diversificado de competências para excelentes saídas profissionais e para prosseguir estudos de pós-graduação e mestrado.

Objectivos

O Curso de Engenharia Química e Bioquímica é uma licenciatura que se destina a proporcionar uma formação superior em Engenharia no domínio particular da Química. Está modelado com o objetivo de permitir uma rápida inserção no mercado de trabalho, na formação é dada especial atenção às áreas emergentes destas áreas do conhecimento. A capacidade de adaptação a novos processos e metodologias bem como a possibilidade de resolver problemas processuais estão entre os objetivos que a formação dos alunos deve atingir.

O curso procura em permanência alargar as ligações às actividades económicas concretizadas através de vários projetos.

Assim e de forma a tornar mais forte a ligação à prática e simultaneamente fazer a integração dos alunos no mercado de trabalho, o Curso de Engenharia Química e Bioquímica conta com uma unidade curricular de Projeto (3º ano) que tende a ser desenvolvida em parceria com empresas ou entidades do setor proporcionando aos alunos um contacto efetivo com a indústria e os serviços.

A polivalência do curso permite uma integração em vários ramos da indústria, nomeadamente, celulose e papel, petroquímica, aglomerados de fibras, agroalimentar, tintas entre outros. O seu plano curricular está estruturado de modo a que o aluno possa exercer actividades de controlo e monitorização de processos, controlo de qualidade e auditoria, formação e investigação.