Saídas profissionais

 

 Os Técnicos Superiores Profissionais em Qualidade Alimentar adquirem competências para exercer funções no setor agro-alimentar, em Portugal e no estrangeiro, em organismos públicos e privados, nomeadamente:

• Indústrias de fabrico e processamento de produtos agro-alimentares;

• Laboratórios de controlo de qualidade de matérias primas e alimentos;

• Organismos de controlo e certificação de produtos alimentares;

• Centros de normalização e embalagem de produtos agro-alimentares;

• Empresas de consultadoria nas áreas da qualidade, higiene e segurança alimentar;

• Organismos de inspeção e vigilância de matérias primas e produtos agro-

alimentares;

• Empresas de comercialização e distribuição de produtos alimentares;

• Logística alimentar.