Arqueologia Naval e Cultura Marítima

Pós-Graduação em Arqueologia Subaquática

4 ECTS; 1º Ano, 1º Semestre, 15,0 T + 15,0 TP

Docente(s)

Pré-requisitos
Não aplicado

Objetivos
Pretende-se que os alunos adquiram competências no domínio da teoria e prática da Arqueologia Naval e da Cultura Marítima, fiquem aptos ao conhecimento dos processos e princípios da construção naval em madeira, do conhecimento tipológico do navio, bem como de atividades relacionadas com a história da navegação oceânica.

Programa
Conteúdos Programáticos Arqueologia Naval

1. Fontes para o estudo da arqueologia naval. Método e considerações teóricas.
2. A Arqueologia do navio em madeira. Estudo dos elementos estruturais e procedimentos construtivos.
3. Estudo da evolução dos princípios e processos de construção naval em madeira. Shell first; skeleton first; sistema misto. Casco trincado e casco liso.
4. Tradição de construção Norte europeia e mediterrânica.
5. Tratados e regimentos de construção naval.
6. Os navios e a navegação.
a) Mediterrâneo Arcaico e Clássico
b) O domínio romano do Mediterrâneo.
c) Os navios Bizantinos e Árabes.
d) O Norte da Europa.
e) Crescimento em dimensão e capacidade de transporte dos navios nos sécs. XIII a XV.
f) A tradição Ibero-Atlântica na construção naval.
g) Os navios do Novo Mundo.
h) O poder do armamento no Ocidente. A artilharia naval e o advento da guerra no mar.
i) As Armadas, os navios e as classes.
j) A Idade de Ouro da Vela.

Conteúdos Programáticos Cultura Marítima

7. A navegação oceânica e a construção do império marítimo português
a) O mar como fator determinante da independência nacional
b) A ideologia dos descobrimentos e da expansão e o seu sistema de “valores centrais”
c) Navegações de descobrimentos: inovações; estruturas culturais e ferramentas mentais
d) A pirataria e a concorrência na economia marítima portuguesa.
8. Rotas, Comércio e Mercadorias
A. Atlântico
a) O comércio da Guiné e da Mina
b) As ilhas e a construção do mundo Atlântico
c) As terras de Vera Cruz: implantação de uma estrutura colonial
d) Análise documental: o legado histórico de Pero Vaz de Caminha
B. Índico
a) A rota do cabo: de Vasco da Gama até ao século XIX
b) Os portugueses e o Oriente
c) Análise documental: um império de base portuária (doc. século XVIII)

Metodologia de avaliação
Existem duas fases de avaliação (frequência e exame).
Frequência - A avaliação é desenvolvida por um trabalho sobre discussão de uma das temáticas abordadas em aula 80% + participação em aula 20%.
Exame - A avaliação é desenvolvida por um trabalho sobre discussão de uma das temáticas abordadas na unidade curricular - 100%

Bibliografia
- Bettencourt, F. e Curto, D. (2010). A Expansão Marítima Portuguesa, 1400-1800. Lisboa: Edições 70.
- Santos, J. (2010). Estudos sobre os Descobrimentos e a Expansão Portuguesa, . Coimbra, : CHSC
- Los barcos del Atlantico Iberico en el siglo de los Descubrimientos. Andalucia America y el Mar, .(1991, 0 de ---). Junta de Andalucia, pp. 121-144.

Método de interação
Ensino à distância com apresentação dos conteúdos de forma expositiva e aplicação de metodologias pedagógicas ativas, nomeadamente de discussão de dados e ideias, preenchimento de questionários, revisões de matéria com questionários diretos, etc.

Software utilizado nas aulas
Elearning; Plataforma à distância BBB; Powerpoints, office Word, e outros que se considere necessário ao bom funcionamento das aulas.

 

Objetivos de Desenvolvimento Sustentável