Atelier de Inovação e Empreendedorismo

TeSP - Gestão Administrativa de Recursos Humanos
2 ECTS; 2º Ano, 1º Semestre, 30,0 S

Docente(s)
- Rodrigo José das Neves Morais

Pré-requisitos
Não aplicável

Objetivos
O objetivo da disciplina é promover a criação de um potencial negócio. Para tal o aluno após criar uma ideia de negócio, vai elaborar um Plano de Negócios e a avaliar as condições de implementação dessa mesma ideia de negócio no mercado de trabalho. No final desta disciplina o aluno deve ser capaz de:
- Desenvolver uma atitude empreendedora através da compreensão dos objetivos e comportamentos empresariais;
- Compreender e estruturar o processo de deteção e análise de oportunidades de negócio;
- Definir critérios para avaliação do potencial de um novo negócio e dos recursos necessários para o desenvolver e implementar;
- Desenvolver instrumentos de análise financeira necessários para analisar e calcular as necessidades de financiamento e para elaborar previsões da rendibilidade futura de um novo negócio;
- Identificar as fontes de financiamento para novos negócios;
- Compreender o papel dos elementos da equipa de projeto, no planeamento e lançamento de um novo negócio, e do tipo de parceiros que um candidato a empresário deve procurar para desenvolver a sua ideia de negócio.

Programa
1. Conceitos de empreendedorismo
1.1. A visão histórica de empreendedorismo
1.2. A importância do empreendedorismo no desenvolvimento económico e social
2. Processo Empreendedor
2.1. Atitudes e competências empreendedoras
2.2. Gestão de ideias e identificação de oportunidades
2.3. Desafios e constrangimentos dos pequenos negócios
2.4. Caracterização do espírito empreendedor em Portugal
2.5. Empresa familiar
2.6. Inovação e tecnologia e oportunidades de negócio
3. Metodologias para a escolha do projeto
3.1. Análise do potencial do promotor e da ideia
3.2. Condicionantes externas
3.3. As formas de iniciar a atividade
3.4. Competências internas necessárias
3.5. Pesquisa de mercados
3.6. Critérios de análise de oportunidades de negócios
4. Elaboração de um plano de negócios
4.1. A importância do plano de negócios
4.2. Escolha da forma jurídica e atividade
4.3. Estratégia de marketing
4.4. A formalização do plano de negócios
5. Financiamento do projeto
5.1. Planeamento financeiro e fontes de financiamento
5.2. Instituições publicas? análise da legislação em vigor
5.3. Instituições financeiras
6. Como criar a sua empresa
6.1. Instituições e documentação necessárias à constituição da empresa
6.2. A equipa empresarial
6.3. O pacto social
6.4. O início de atividade
7. Sucesso/insucesso empresarial

Metodologia de avaliação
AVALIAÇÃO CONTÍNUA
Os alunos têm que:
- Apresentar oralmente a sua ideia ou oportunidade de negócio durante a 2ª semana do semestre; os alunos terão de entregar um resumo esquemático, incluindo texto e slides (impressos em papel) preparados para a apresentação;
- Apresentar durante as aulas da 6ª e 7ª semana a Análise ou Plano de Oportunidade, incluindo um diagnóstico da viabilidade tecnológica e de mercado;
- Apresentar durante as aulas da 14ª e 15ª semana o Plano de Negócios para a implementação da ideia, com entrega de um relatório final durante o período das frequências.

AVALIAÇÃO PERIÓDICA
É facultada aos alunos a possibilidade de dispensa a exame, através da realização das seguintes componentes de avaliação contínua com nota mínima final de 10 valores:
- Participação oral nas aulas e na discussão dos projetos: 25%
- Apresentação e relatório da análise/plano de oportunidades: 30%
- Apresentação do Plano de Negócios e Relatório Final do projeto: 45%

AVALIAÇÃO FINAL
A avaliação da Unidade Curricular processar-se-á através de prova escrita.

Bibliografia
- Drucker , P. (1989). Inovação e Gestão. Uma nova concepção de estratégia de empresa.. Lisboa: Editorial Presença
- Snell, S. e Bateman, T. (2007). Management - Hill Leading & Collaborating in a Competitive World. England: McGraw-Hill International Edition
- Pigueur, Y. e Osterwalder, A. (2011). Criar Modelos de Negocio. (Vol. 1). Lisboa: D.Quixote

Método de interação
A Unidade Curricular é lecionada recorrendo a aulas teórico-práticas, em que será apresentada e discutida a matéria base, com apresentação de casos de estudo que servem de apoio à matéria teórica, bem como serão discutidos os projetos dos alunos.

Software utilizado nas aulas
Não aplicável