IPT Logotipo do IPT

Conservação e Restauro

História de Arte Portuguesa da Época Contemporânea

<< voltar ao Plano Curricular

5 ECTS; 3º Ano, 2º Semestre, 45,0 T + 2,0 OT , Cód. 9380105.

Docente(s)
- Ana Rita de Sousa Gaspar Vieira (1)(2)

(1) Docente Responsável
(2) Docente que lecciona

Pré-requisitos
N.A.

Objetivos
Dotar os alunos de conhecimentos teóricos que os tornem capazes de enquadrar a emergência dos movimentos artísticos contemporâneos em Portugal, caracterizá-los e identificar artistas e obras relevantes para a sua compreensão. Identificar os principais movimentos, artistas e obras;
Entender a obra de arte como objeto artístico, estético e histórico, inserido numa dinâmica cultural que é o resultado de um processo social e civilizacional, que tem de ser devidamente conservada e restaurada.

Programa
A prática artística portuguesa nos séculos XX e XXI:
A diversidades de linguagens e medias na arte contemporânea nacional: a pintura, a escultura, o desenho e a instalação;
As vanguardas: o livro como obra e veículo de divulgação;
Referências e interferências europeias e americanas: a internacionalização da arte e a influência do exterior nela sentida, concretamente na obra de artistas portugueses que viveram em Paris, Londres, etc;
A transformação da relação da arte com o público. A Alternativa Zero. As performances, as ações, as instalações e os ambientes;
As exposições coletivas; os encontros internacionais; as feiras de arte; os grupos e as bienais - as ações do Círculos de Artes Plásticas de Coimbra e da Fundação Calouste Gulbenkian;
O conceptualismo e o pós-conceptualismo em Portugal.

Metodologia de avaliação
1. Entrega digital de dois trabalhos teóricos, cuja temática será previamente aprovada pela docente, cada um deles contribuindo com 40% da classificação final;
2. Avaliação continua e participação nas aulas (20%);

3. A avaliação por exame também será realizada com a entrega dos dois trabalhos com temas e assuntos a aprovar pela docente (40% cada) e nela será considerada a avaliação contínua relativa à participação nas aulas (20%);
4. Estão dispensados/as de Exame os/as estudantes que em frequência obtenham nota igual ou superior a 10 valores.

Bibliografia
- Mário Gonçalves , R. (1998). A arte portuguesa do século XX . (Vol. 1). Lisboa: Temas & Debates.
- Mário Gonçalves,, . (1993). História da Arte em Portugal.. (Vol. 12). Lisboa: Alfa.
- Vieira Jurgens, S. (2016). Instalações Provisórias - Independência, autonomia, alternativa e informalidade. Artistas e exposições em Portugal no século XX . (Vol. 1). Lisboa.: Documenta

Método de Ensino
As aulas são teóricas expositivas baseadas na análise crítica de obras de arte para a apreensão das características determinantes dos movimentos artísticos. Promove-se o contato direto com as obras de arte através de visitas de estudo ou conferências

Software utilizado nas aulas
N.A.

 

 

 


<< voltar ao Plano Curricular
NP4552
Financiamento
KreativEu
erasmus
catedra
b-on
portugal2020
centro2020
compete2020
crusoe
fct
feder
fse
poch
portugal2030
poseur
prr
santander
republica
UE next generation
Centro 2030
Lisboa 2020
co-financiado