IPT Logotipo do IPT

Banner gráfico
Banner gráfico - mobile

Licenciatura em Gestão de Empresas

Ano Letivo: 2016/17

 

Oferecer uma sólida formação cultural, científica e tecnológica, sustentada por uma estrutura curricular e um plano curricular que inclui o permanente contacto com situações reais em laboratório e in situ. O modelo deste ciclo assenta no desenvolvimento de um conjunto diversificado de competências para excelentes saídas profissionais e para prosseguir estudos de pós-graduação e mestrado.

 
A partir de 2016/17 entra em vigor um novo Plano de Estudos (Despacho n.º 3393/2016 - Diário da República n.º 45/2016, Série II de 2016-03-04), a ter efeito inicialmente só para os alunos do 1.º ano, seguindo-se nos anos seguintes a correspondente evolução.
 
O Plano Antigo (publicado no DR 26/mai/2011) está em funcionamento nos anos letivos 2016/2017, 2017/2018 e 2018/2019, após este período todos os alunos devem inscrever-se obrigatoriamente no novo Plano de Estudos. Existe um Plano de Transição entre os dois planos de estudos, aprovado pelos órgãos legal e estatutariamente competentes.

 

Objectivos

Objetivos gerais do ciclo de estudos

Uma vez terminada a Licenciatura em Gestão de Empresas o diplomado deve revelar as capacidades exigíveis a um gestor com características interventivas e empreendedoras, sendo capaz de efetuar uma análise dinâmica e integrada do meio envolvente das organizações, bem como apoiar a tomada de decisão suportando-a através de técnicas e instrumentos de gestão de empresas.

No quadro do Acordo de Bolonha, partindo dos conhecimentos ministrados no ensino secundário, pós-secundário ou superior não conferente de grau, com a Licenciatura em Gestão de Empresas pretende-se contribuir para a formação humana, cultural, científica e técnica dos estudantes, proporcionando-lhes uma formação generalista, pluridisciplinar, na área científica de Gestão, que permita a entrada qualificada no mercado de trabalho, no desempenho de funções técnicas e de gestão, em empresas e outras organizações, nas áreas financeira, contabilística e de auditoria, comercial e de marketing, administrativa, logística e de recursos humanos, bem como a criação da própria empresa, remetendo para pós-graduações e mestrados o aprofundamento de uma especialização.

Objetivos de aprendizagem (conhecimentos, aptidões e competências) a desenvolver pelos estudantes

Pretende-se que os estudantes adquiram um conjunto de conhecimentos teóricos e especializados na área da gestão, em sintonia com a prática empresarial, nomeadamente em contabilidade, finanças, marketing, estratégia e logística, beneficiando também do conhecimento de ciências conexas como a economia, o direito, a psicologia, a matemática e a informática.

Através da dinâmica letiva e académica, no contexto do curso e da escola onde este se insere, onde se incluem: trabalhos individuais e de grupo, resolução de casos práticos, resolução de testes, apresentação e defesa oral de trabalhos, visitas de estudo, participação em seminários, estágio em contexto de trabalho, elaboração de relatórios. Pretende-se dotar os estudantes de aptidões e competências como as de comunicação eficaz, oral e escrita, de ouvir e fazer-se ouvir, de recolha, seleção, interpretação e utilização de informação, de análise crítica, de equação e resolução de problemas, de tomada de decisão, de participação e de fomento à mesma, e as que especialmente caraterizam o empreendedor, como criatividade, inovação, liderança, negociação e trabalho em equipa.

Inserção do ciclo de estudos na estratégia institucional de oferta formativa face à missão da Instituição

Os objetivos definidos para a Licenciatura em Gestão de Empresas enquadram-se na missão e objetivos do Instituto Politécnico de Tomar (IPT) e da Escola Superior de Gestão de Tomar (ESGT) onde se integra.

O IPT sendo uma unidade de ensino superior politécnico no Espaço Europeu do Ensino Superior, visa a superior formação dos seus estudantes, promovendo o conhecimento útil, desenvolvendo aptidões, capacidades e competências muito diversas, com o objetivo de preparar os estudantes para o mercado de trabalho e para o exercício de uma cidadania ativa numa sociedade democrática.

A ESGT tem como principal missão formar gestores e outros quadros médios e superiores de empresas e outras organizações, revestindo-se de um cariz eminentemente prático, privilegiando um contacto sistemático com o meio empresarial e institucional, quer através da realização de trabalhos práticos desenvolvidos ao longo do curso, quer através da realização de estágios curriculares no final do curso. Pretendendo-se, deste modo, aproximar o aluno, o mais possível, da vida prática, e facilitar a sua inserção no mercado de trabalho, como ainda, contribuir para o desenvolvimento da região onde se insere, em particular, e do país, em geral.

Entre os objetivos estratégicos do IPT e da ESGT releva-se: a promoção do empreendedorismo e da empregabilidade dos diplomados; a dinamização da investigação e da transferência de conhecimento; o aprofundar da integração da escola na sua envolvente regional, o fomentar da internacionalização do ensino e da oferta formativa.

Com a Licenciatura em Gestão de Empresas pretende-se formar diplomados com as capacidades exigíveis a um gestor com características interventivas e empreendedoras, capaz de efetuar uma análise dinâmica e integrada do meio envolvente das organizações, bem como de apoiar a tomada de decisão suportando-a através de técnicas e instrumentos de gestão de empresas. O curso está alinhado e contribui para a missão e objetivos da instituição onde se integra.

Contactos

Coordenador(a) de Curso

Luís António Antunes Francisco

Luís António Antunes Francisco

Gabinete: O217
t.: 249328100
ext.: 1123
endereço de e-mail

Coordenador(a) Erasmus

Maria de Fátima Rodrigues Pedro

Maria de Fátima Rodrigues Pedro

Gabinete: O210
t.: 00351 249 328 244
ext.: 1125
endereço de e-mail

Secretariado

Maria Teresa Antunes Alcobia

Maria Teresa Antunes Alcobia

Gabinete: B115
t.: 249328274
ext.: 1205
endereço de e-mail
Ano Letivo: 2016/17

Publicação em Diário da República: RCC 01/04/2011 [DR.7678/2011 26.05.2011]

Publicação em Diário da República: Despacho nº 3393/2016 - 04/03/2016

Plano curricular
UCÁrea ECTS Docente
Obr. Opt.
1º Semestre
Comunicação EmpresarialMarketing 5
Empreendedorismo e InovaçãoGestão 5 Eduardo Brou
Estratégia EmpresarialGestão 4
Gestão Financeira IIFinanças 5
Optativa I - LIVREQAC: G/C/F/M/D/MK/E/RH/TIC 5
Seminário IGestão 1
Sistemas de Controlo de GestãoGestão 5
2º Semestre
AuditoriaContabilidade 4
EstágioGestão 10
Liderança e NegociaçãoRecursos Humanos 4
Optativa II - LIVREQAC: G/C/F/M/D/MK/E/RH/TIC 5
Projeto EmpresarialGestão 6
Seminário IIGestão 1

Condições de Acesso

 

Preferências regionais

Área de influência: Castelo Branco, Leiria, Portalegre, Santarém.

Vagas: 35%

Provas de Ingresso

Uma das seguintes provas:

04 Economia

09 Geografia

16 Matemática

Vagas

2017/2018

  • Contingente Geral: 45
  • Estudantes Internacionais: 9
  • M23: 5
  • Mudança de Curso: 2
  • Regimes Especiais: 4
  • Titulares de Curso Superior: 1
  • Titulares CET´s / CTeSP: 1

Nota de Candidatura do Último Colocado pelo Contingente Geral

  • 1ª fase: 103,0
  • 2ª fase: 108,7

Classificação mínimas:

  • Nota de Candidatura: 95 pontos
  • Provas de ingresso: 95 pontos

Propinas e métodos de pagamento

  O valor da propina anual é de 950,00€, podendo ser feito a pronto, em que beneficia de um desconto de 2%, ou por 9 mensalidades.

Taxas e Emolumentos

 Tabela de emolumentos

Documentos necessários

• Boletim de matrícula 1ºano/1ªvez;
• Fotocópia (facultativa) do B.I. ou Cartão de Cidadão;
• Fotocópia do Cartão de Contribuinte (só para os estudantes que não forem titulares do
cartão de cidadão);
• Boletim Individual de Vacinas (antitetânica em dia);
• 2 Fotografias;
• Requerimento de Estatuto Trabalhador-Estudante (a)
• Requerimento do regime de Tempo Parcial (a)

a) Quando aplicável

Calendarização

 Acesso 

Saídas profissionais

O diplomado em Gestão de Empresas deve ser capaz de integrar a estrutura hierárquica e funcional de pequenas e médias empresas nas áreas administrativa, contabilística, financeira, comercial, de recursos humanos e de gestão; pode também desempenhar funções de chefia nas áreas referidas em médias e grandes empresas. Com facilidade o diplomado pode integrar-se em organizações governamentais e em organizações sem fins lucrativos.


A Licenciatura em Gestão de Empresas é reconhecida para a admissão na Ordem dos Economistas e na Ordem dos Contabilistas Certificados (nesta, com a realização como extra-curricular de quatro unidades curriculares na Licenciatura em Contabilidade da ESGT).

Locais de funcionamento

Tomar

Tomar

Parcerias

Para a realização do Estágio Curricular da Licenciatura em Gestão de Empresas são assinados anualmente dezenas de protocolos com empresas, bem como outras entidades públicas e privadas, nacionais e estrangeiras (estas, geralmente ao abrigo do Programa Erasmus). São mais de uma centena o conjunto de parceiros que habitualmente acolhem estágios curriculares de Gestão de Empresas e que muitas vezes optam por contratar recém diplomados do curso.

Ano Letivo: 2016/17
NP4552
Financiamento
b-on
santander
erasmus
catedra
Financiamentos