IPT Logotipo do IPT

Engenharia Civil

Mecânica dos Solos

<< voltar ao Plano Curricular

Publicação em Diário da República: Despacho nº 10366/2022 - 24/08/2022 (Parceria ESTT/ESAI)

5 ECTS; 2º Ano, Anual, 56,0 TP , Cód. 908958.

Docente(s)
- Ana Paula Gerardo Machado (1)(2)

(1) Docente Responsável
(2) Docente que lecciona

Pré-requisitos
Não aplicável

Objetivos
-Conhecer e aplicar a relação tensão deformação em solos arenosos e argilosos
- Conhecer e aplicar os princípios e dados relacionados com o comportamento dos estratos argilosos confinados e não confinados e a teoria da consolidação
-Conhecer os ensaios para consolidação e saber interpretar os resultados
-Conhecer e aplicar a matéria sobre resistência ao corte dos solos
-Conhecer os ensaios que permitem determinar os parâmetros de resistência ao corte.
-Conhecer e aplicar as teorias relativas ao cálculo de impulsos de terras sobre muros de suporte
-Conhecer os métodos e técnicas para prospeção e ensaios em campo e em laboratório, saber solicitar estudos e trabalhos geotécnicos adequados à obra, interepretar gráficos e resultados e tomar decisões
-Conhecer e utilizar métodos, técnicas e instrumentação para observação, medição e monitorização de obras geotécnicas.
-Controlar e gerir equipamentos e dados.
-Conhecer e aplicar o eurocódigo 7.

Programa
I - Compressibilidade e consolidação de estratos de argila: tensão-deformação em solos em condições de confinamento, efeitos do tempo, diferentes tipos de solos argilosos, ensaio edométrico e determinação dos parâmetros para cálculo de assentamentos e consolidação.Teoria da Consolidação de Terzaghi. Consolidação bidimensional e tridimensional. Teoria de Biot. Soluções da Teoria de Terzaghi para quaisquer distribuições dos excessos de pressão neutra inicial. Consolidação secundária. Aceleração da consolidação. 2 - Resistência ao corte: critérios de rotura de Tresca e de Mohr-Coulomb, ensaios para determinar em laboratório a resistência ao corte, envolvente de Mohr-Coulomb a partir dos resultados dos ensaios. Resistência ao corte e relações tensão-deformação em areias e em argilas. Parâmetros de pressões neutras.3 - Impulsos de terras. 4-Estabilidade de taludes em rocha e solo. Métodos para cálculo. Técnicas para estabilização. 5-Prospeção geotécnica e ensaios.6- Monitorização. 7- Eurocódigo 7. Resolução de exercícios.

Metodologia de avaliação
A avaliação, nas várias épocas, consiste na realização de prova escrita, com componente teórica e prática. Para aprovação é necessário um mínimo de 40% da cotação em cada componente e uma classificação total igual ou superior a 9,5 valores em 20.

Bibliografia
- Berry, . e Reid, D. (1993). An Introduction to Soil Mechanics. . UK : MacGarw-HILL.
- Cernica , J. (1995). Geotechnical Engineering: Soil Mechanics. . USA: John Wiley & Sons
- Fernandes, M. (2016). Mecânica dos Solos: conceitos e princípios fundamentais . (Vol. 1). Porto: FEUP
- Fernandes, M. (2017). Mecânica dos Solos: Introdução à engenharia geotécnica. (Vol. 2). Porto: FEUP

Método de Ensino
Aulas teóricas de tipo expositivo e interactivo com exemplos de casos práticos. Aulas práticas com resolução de exercícios e realização de ensaios laboratoriais.

Software utilizado nas aulas
Não aplicável

 

Aprovado em Conselho Técnico Cientifico: 29 de dezembro de 2023

Download da Ficha da Unidade Curricular (FUC)

 

 


<< voltar ao Plano Curricular
NP4552
Financiamento
b-on
santander
erasmus
catedra
portugal2020
centro2020
compete2020
crusoe
fct
feder
fse
poch
portugal2030
poseur
prr
republica
UE next generation
Centro 2030
Lisboa 2020
co-financiado