IPT Logotipo do IPT

Comunicação Social: Jornalismo e Comunicação Empresarial

Fundamentos de Economia

<< voltar ao Plano Curricular

Publicação em Diário da República: Despacho n.º 428/2023 de 09/01/2023

4 ECTS; 1º Ano, 1º Semestre, 42,0 TP + 2,0 OT , Cód. 829727.

Docente(s)
- Ana Cláudia Leal Marques Pires da Silva Mendes Pinto (1)(2)

(1) Docente Responsável
(2) Docente que lecciona

Pré-requisitos
Não Aplicável

Objetivos
Num mundo em que a dimensão económica da vida assume uma importância crescente, a comunicação social trata-a de forma cada vez mais especializada. Torna-se por isso indispensável familiarizar os alunos da Licenciatura em Comunicação Social com a terminologia e os conceitos básicos da Ciência Económica.
Os estudantes devem ser capazes de: a) Compreender e descrever questões económicas b) Consultar fontes de dados estatísticos e bibliográficos para obter informações relevantes à abordagem de cada problema c) Escrever relatórios sobre assuntos económicos d) Resolver exercícios aplicados

Programa
1. Porquê estudar Economia
1.1. A evolução do pensamento económico
1.2. A dimensão social da Economia
1.3. A economia no contexto das ciências sociais
1.4. A Ciência Económica
1.5. Ramos da Economia
2. Contabilidade Nacional
2.1. As três ópticas do valor da produção nacional
2.2. O consumo, a poupança e o investimento
2.3. A distribuição do rendimento
2.4. A intervenção do Estado na Economia.
3. Políticas Macroeconómicas
3.1. Política Monetária
3.2. Política Orçamental
3.3. Política Fiscal
3.4. O caso de uma pequena economia numa união monetária: Portugal e a Área Euro
3.5. Políticas macroeconómicas em situações excecionais: da crise financeira de 2007-08 à crise da dívida soberana na Área do Euro
4. Procura e Oferta
4.1. Modelo do Mercado Competitivo
4.1.1. Noção de mercado competitivo
4.1.2. Elementos do mercado competitivo
4.1.3. A curva da Procura
4.1.4. A curva da oferta
4.1.5. O equilíbrio do mercado
4.1.6. Alterações na procura e na oferta
4.1.7. Alteração do preço de equilíbrio
4.2. Intervenção Estatal no Mercado
4.2.1. Controlo dos preços
4.2.2. Controlo da Quantidade
4.2.3. Taxas e Impostos
4.2.4. Subsídios
5. Mercados concorrenciais, monopolistas e oligopolistas
5.1. Mercado de Concorrência Perfeita
5.1.1. Noção de Mercado
5.1.2. Formas de Mercado
5.1.3. Características do mercado de concorrência perfeita
5.2. Monopólio
5.2.1. Características do monopólio
5.2.2. Curva da procura do monopólio
5.2.3. Eficiência do mercado
5.2.4. Politicas anti-monopólio
5.2.5. Discriminação do preço
5.3. Oligopólio
5.3.1. Noção de Oligopólio
5.3.2. Oligopólio e as outras formas de mercado
5.3.3. Oligopólio de concluio
5.3.4. Oligopólio dominante
5.3.5. Comportamento do oligopólio
6. Debate de Temas da Actualidade

Metodologia de avaliação
Avaliação por Frequência:
Nesta época, a avaliação da UC é contínua.
Os alunos serão avaliados através de dois elementos:
• Prova escrita 1 – 50%
• Prova escrita 2 – 50%
Serão admitidos a exame os alunos que não apresentem um dos momentos de avaliação atrás
descritos, e que não obtenham uma classificação mínima de 7 valores em cada prova escrita;


Nesta UC aplica-se o ponto 5 do artº 8º do Regulamento Académico (obrigatoriedade de 2/3 de presenças nas aulas TP).
A classificação final resulta da média ponderada de todos os elementos de avaliação.

O/A estudante obtém aprovação à UC, de acordo com o disposto nos Pontos 11 e 12, do Artigo 11º, do regulamento Académico do IPT.

Trabalhadores-estudantes:
• A avaliação indicada aplica-se também aos trabalhadores estudantes.

Estudantes Erasmus
• Os estudantes Erasmus devem contactar o/a docente para tomarem conhecimento de sua
forma de avaliação, no prazo de duas semanas após a sua chegada.


Avaliação por Exame:
• Prova escrita – 100%
A prova escrita integra toda a matéria lecionada ao longo do semestre. Classificação mínima para aprovação: 10 valores.

O/A estudante obtém aprovação à UC, de acordo com o disposto nos Pontos 11 e 12, do Artigo 11º, do regulamento Académico do IPT.

Em Época Especial aplica-se o definido em Avaliação por Exame.

Bibliografia
- Belbute, J. (2003). Princípios de Macroeconomia. Lisboa: Gradiva
- Das Neves, J. (2017). Introdução à Economia. Lisboa: EDITORIAL VERBO
- E CUNHA E MORAIS, L. e PAULO PITTA, C. (2008). A EUROPA E OS DESAFIOS DO SÉCULO XXI. Coimbra: ALMEDINA
- Samuelson, P. e D. Nordhaus, W. (2011). Economia. Portugal: Mcgraw-Hill

Método de Ensino
Os tópicos do plano programático são apresentados através de aulas teóricas, estudo de casos e exercícios aplicados.
Quinzenalmente é colocada uma questão do quotidiano para os alunos debaterem.

Software utilizado nas aulas
Não Aplicável

 

 

Objetivos de Desenvolvimento Sustentável

Garantir o acesso à educação inclusiva, de qualidade e equitativa, e promover oportunidades de aprendizagem ao longo da vida para todos

 


<< voltar ao Plano Curricular
NP4552
Financiamento
KreativEu
erasmus
catedra
b-on
portugal2020
centro2020
compete2020
crusoe
fct
feder
fse
poch
portugal2030
poseur
prr
santander
republica
UE next generation
Centro 2030
Lisboa 2020
co-financiado