IPT Logotipo do IPT

Ano Letivo: 2021/22

Mestrado em Reabilitação Urbana

Eficiência Energética em Edifícios

<< voltar ao Plano Curricular

Publicação em Diário da República: Despacho nº 11549/2014 - 15/09/2014

5 ECTS; 2º Ano, 1º Semestre, 15,0 T + 30,0 TP + 4,0 OT

Docente(s)

Pré-requisitos
Não aplicável.

Objetivos
Identificar os requisitos legais, normativos e regulamentares da certificação energética.
Caracterizar o comportamento térmico de edifícios. Dimensionar e selecionar sistemas de climatização. Identificar medidas potenciais de economia de energia e avaliar a respetiva viabilidade económica.

Programa
Mercado europeu de Energia e suas implicações em Portugal: legislação, normalização e regulamentação nacional e comunitária;
Comportamento solar passivo e conceção bioclimática de edifícios;
Conceitos fundamentais de termodinâmica;
Ventilação natural e com recurso a sistemas ativos; produção de calor e de frio: constituição, conceção e seleção de sistemas de climatização;
Sistema de Certificação Energética dos Edifícios, o Regulamento de Desempenho Energético dos Edifícios de Habitação e o Regulamento de Desempenho Energético dos Edifícios de Comércio e Serviços;
Cálculo das necessidades energéticas dos edifícios;
Certificação energética de edifícios; Projeto solar térmico: fundamentos de cálculo, equipamentos e soluções, contrato de manutenção e abrangência; Programa SCE.ER;
Auditorias de energia: metodologias e soluções tecnológicas;
Principais oportunidades para a racionalização de consumos (ORC) em iluminação, climatização e ventilação;
Estratégias de aumento de eficiência energética nos edifícios e em ambiente urbano;
Análise da viabilidade económica de planos e programas de eficiência energética;
Programas e incentivos financeiros à eficiência energética e integração de sistemas de aproveitamento de recursos endógenos;
Estimativa do custo e exploração de um edifício, do custo global das soluções alternativas e previsão dos custos de manutenção; Estudo de casos.

Metodologia de avaliação
A avaliação da U.C é consiste na realização de uma prove escrita e de na apresentação e discussão de trabalhos práticos.
A prova escrita, realizada em Frequência ou em Exame tem um peso de 40% na avaliação final da U.C. Para aprovação os estudantes deverão obter na prova escrita uma classificação superior a 9,5 valores.
Os trabalhos práticos são propostos e realizados no decurso do semestre sendo de entrega obrigatória em todos os momentos de avaliação (Frequência ou Exame). Têm um peso de 60% na avaliação.
A classificação final da U.C é a que resultar da média ponderada entre as duas componentes, devendo ser superior a 9,5 valores.

Bibliografia
Energy Conservation in Existing Buildings Deskbook. -: -
Energy Management Handbook. -: -
(2009). Térmica de Edifícios. ISBN 978-972-8620-13-4: Orion
(2008). Guia de aplicações de gestão de energia e eficiência energética. Lx: Publindústria
(2004). Conceitos Bioclimáticos para edifícios em Portugal. DGEG: ISBN 972-8268-34-3
(1985). Energia Solar Passiva – volume 1. DGE: Imprensa Nacional Casa da Moeda

Método de Ensino
Aulas teóricas expositivas. Trabalhos práticos e estudos para trabalho individual, ou em grupo. Visitas de estudo.

Software utilizado nas aulas
- Folha de cálculo para avaliação do desempenho térmico e classificação energética do edifício, de acordo com o REH – ITECONS
- Folha de cálculo para a determinação do Rph (ventilação) - LNEC
- Aplicação SCE.ER – Dados e cálculos padronizados para sistemas de Energias renováveis - LNEG
- Simuladores ERSE e SGCIE

 

Aprovado em Conselho Técnico Cientifico: 18 de janeiro de 2022

Download da Ficha da Unidade Curricular (FUC)

 

 


<< voltar ao Plano Curricular
NP4552
Financiamento
b-on
santander
erasmus
catedra
Financiamentos