IPT Logotipo do IPT

Engenharia Mecânica

Mecânica Aplicada II

<< voltar ao Plano Curricular

Publicação em Diário da República: Despacho nº 14312/2015 - 02/12/2015

5 ECTS; 2º Ano, 1º Semestre, 15,0 T + 45,0 TP + 3,50 OT , Cód. 912316.

Docente(s)
- Isabel Maria Duarte Pinheiro Nogueira (1)(2)

(1) Docente Responsável
(2) Docente que lecciona

Pré-requisitos
Não aplicável

Objetivos
Na sequência da disciplina de Mecânica Aplicada I, pretende-se que os alunos desenvolvam ferramentas relacionadas com a análise de forças externas e internas em estruturas e máquinas, atrito, momentos de inércia e cinemática, e que sejam capazes de identificar a relevância destas ferramentas em casos reais do dia-a-dia e da sua vida profissional na área da engenharia.

Programa
1. Forças em vigas estruturas e máquinas
1.1 Forças internas em elementos
1.2 Diversos tipos de carregamento e apoio
1.3 Esforço cortante e momento fletor em uma viga
1.4 Diagramas de esforço cortante e de momento fletor
1.5 Relações entre carregamento, esforço cortante e momento fletor

2. Atrito
2.1 As leis de atrito seco e coeficientes de atrito
2.2 Ângulos de atrito
2.3 Problemas que envolvem atrito seco
2.4 Cunhas
2.5 Parafusos de rosca quadrada
2.6 Atrito em roda e resistência ao rolamento
2.7 Atrito em correia

3. Momentos de Inércia
3.1 Momento de segunda ordem, ou momento de inércia de uma superfície
3.2 Determinação do momento de inércia de uma superfície por integração
3.3 Momento de inércia polar
3.4 Raio de giração de uma superfície
3.5 Teorema dos eixos paralelos
3.6 Momentos de inércia de superfícies compostas
3.7 Produto de inércia
3.8 Eixos principais e momentos de inércia principais

4.Cinemática de corpos rígidos
4.1 Translação
4.2 Rotação em torno de um eixo fixo
4.3 Equações da rotação de um corpo rígido em torno de um eixo fixo
4.4 Movimento plano geral
4.5 Velocidade absoluta e velocidade relativa no movimento plano
4.6 Centro instantâneo de rotação no movimento plano
4.7 Aceleração absoluta e aceleração relativa no movimento plano

5. Movimento plano de corpos rígidos
5.1 Equações de movimento para um corpo rígido.
5.2 Quantidade de movimento angular de um corpo rígido em movimento plano.
5.3 Movimento plano de um corpo rígido. Princípio de D'Alembert.
5.4 Solução de problemas envolvendo o movimento de um corpo rígido.
5.5 Sistemas de corpos rígidos.
5.6 Movimento plano com restrições.

Metodologia de avaliação
Os alunos são avaliados por meio de provas de avaliação escritas.
Nota mínima para aprovação na uc é 10 valores.
As provas escritas podem ser realizadas em diferentes épocas de avaliação:
- Época de avaliação contínua:
Duas frequências realizadas durante o período de aulas.
A nota final terá atenção à participação dos alunos que assistirem e sejam participativos nas aulas:
Nota Final = (10%) participação nas aulas + (45%) 1º teste + (45%) 2º teste.
A admissão à 2ª frequência requer que o aluno(a) tenha realizado a 1ª frequência e tenha obtido a nota igual ou superior a 7.0 valores.

- Época normal e recurso:
Realização de um Exame escrito.
A Nota Final será a classificação obtida no Exame e para alcançar aprovação é necessário obter nota mínima de 10 valores.

Bibliografia
- Beer, F. e Johnston, R. (2011). Mecânica Vectorial para Engenheiros (Estática). Brasil: McGraw-Hill.
- Beer, F. e Johnston, R. (2012). Mecânica Vectorial para Engenheiros (Dinâmica). Brasil: McGraw Hill
- Beer, F. e Mazurek , D. e Johnston Jr., R. (2019). Vector Mechanics for Engineers: Statics and Dynamics, 12nd Edition. New York,: McGraw Hill

Método de Ensino
Aulas teóricas: metodologia expositiva/explicativa onde se revelam os conteúdos programáticos e sua integração no curso.

Aulas teórico-práticas: procede-se à resolução de exercícios privilegiando a interação dos alunos.

Software utilizado nas aulas
Não aplicável

 

Aprovado em Conselho Técnico Cientifico: 15 de dezembro de 2023

Download da Ficha da Unidade Curricular (FUC)

 

 


<< voltar ao Plano Curricular
NP4552
Financiamento
b-on
santander
erasmus
catedra
portugal2020
centro2020
compete2020
crusoe
fct
feder
fse
poch
portugal2030
poseur
prr
republica
UE next generation
Centro 2030
Lisboa 2020
co-financiado