Resultados da aprendizagem

 

Ao longo dos últimos anos, a experiência de natureza positiva com a Licenciatura em Gestão de Recursos Humanos e Comportamento Organizacional (LGRHCO) (quer a nível do funcionamento do curso, quer a nível da empregabilidade dos diplomados), a par do crescimento da condição académica dos docentes da ESGT (todos doutorados e com várias atividades científicas), permite, nesta fase de funcionamento da Instituição, propor a criação do Mestrado em GRH. A elevada estabilidade do corpo docente, articulada com a dedicação exclusiva ao IPT, foi outro fator que concorreu para que se considerasse que estão reunidas as condições essenciais para que o Mestrado se possa iniciar da melhor forma. Concorreu igualmente para esta formalização, o forte acréscimo da procura da LGRHCO nos últimos anos letivos e o responder à insistência constante dos atuais e antigos alunos dos vários anos de LGRHCO, dos Diplomados em LGRHCO, bem como de alunos de outros cursos de Gestão da ESGT, para a criação dum Mestrado com este cariz. Num mundo onde as organizações são cada vez mais espaços desafiantes, o surgimento deste Mestrado parece ser crucial, onde não só se abordam aspetos específicos de gestão, de estratégia, de recursos humanos, de interculturalidade e da investigação, como é proporcionado aos estudantes a realização da opção de estágio em organizações, dissertação ou projeto.