Psicologia

Gestão de Recursos Humanos e Comportamento Organizacional
5 ECTS; 1º Ano, 1º Semestre, 60,0 TP + 15,0 OT

Docente(s)
- Isabel Maria da Cruz Ferreira

Pré-requisitos
Não aplicável.

Objetivos
No final da unidade curricular, os alunos devem: descrever a evolução da Psicologia enquanto ciência; reconhecer as diferenças entre as várias teorias/modelos explicativos; diferenciar as fases da evolução cognitiva e moral; explicar diversos processos cognitivos básicos; discriminar tipos de inteligência; reconhecer padrões de personalidade; justificar ações/respostas específicas, em termos comportamentais e cognitivos.

Programa
1.Introdução (objeto, principais movimentos e metodologias)
2.Bases biológicas do comportamento (sistema nervoso central e periférico; localização das principais estruturas; caracterização do funcionamento do neurónio; hereditariedade)
3.Bases interacionais do comportamento (padrões comportamentais próprios da espécie; desencadeadores de comportamentos sociais)
4.Cognição:Perceção (modalidades sensoriais; constituição do olho; leis da Gestalt sobre a perceção visual); Memória (tipos; funcionamento; interferências; amnésias); Pensamento (tipos; organização hierárquica); Linguagem.
5.Motivação (principais tipos)
6.Processos de aprendizagem (condicionamento clássico, condicionamento operante e imitação)
7.Psicologia do desenvolvimento (estádios)
8.Emoções (principais tipos e implicações relacionais)
9.Inteligência (principais tipos e características)
10.Personalidade (principais tipos e implicações relacionais)

Metodologia de avaliação
1. Em época de frequência, realização de duas avaliações escritas (a 1.ª em meados do semestre e a 2.ª no final) para admissão ou dispensa de exame final. Os alunos só serão admitidos à realização da 2.ª avaliação se tiverem obtido na 1.ª avaliação uma classificação igual ou superior a 7,0 (sete vírgula zero) valores. São dispensados de exame, os alunos cuja média aritmética obtida nas duas avaliações, seja igual ou superior a 9,5 (nove vírgula cinco) valores e com um mínimo de 7,0 valores em cada uma delas.
2. Avaliação escrita nas épocas de exame estabelecidas.
3. Condições específicas: se em qualquer uma das provas escritas a classificação for maior ou igual a 15,5 (quinze vírgula cinco) o aluno é admitido a uma prova oral (de igual peso que a prova escrita) e a nota final é a média das provas. Caso não compareça será atribuída a classificação de 15,0 (quinze vírgula zero) valores.

Bibliografia
- DAVIDOFF, L. (2001). Introdução à Psicologia.. São Paulo: Mc Graw-Hill.
- EYSENCK, M. (2017). Manual de Psicologia Cognitiva.. Porto Alegre: Artmed.
- FELDMAN, R. (2017). Introdução à Psicologia.. São Paulo: McGraw Hill.
- GLEITMAN, H. (2014). Psicologia.. Lisboa: Fundação Calouste Gulbenkian.
- MYERS, D. (2017). Psicologia.. Rio Janeiro: LTC.
- NOLEN-HOEKSEMA, S. (2018). Introdução à Psicologia.. São Paulo: Cengage.

Método de interação
Aulas teórico-práticas com exposição oral (apoiadas por datashow) e apresentação/discussão de casos.

Software utilizado nas aulas
Não aplicável.