Química 2

Fotografia
4 ECTS; 1º Ano, 2º Semestre, 30,0 TP + 5,0 OT

Docente(s)
- Maria Teresa da Luz Silveira

Pré-requisitos
Não Aplicável

Objetivos
Desenvolvimento de capacidades para a compreensão dos temas da química geral e sua aplicação aos processos fotográficos.

Programa
Componente teórica:Componente teórica:
1-Ácidos e bases: ácido-base de Bronsted. Propriedades ácido-base da água. O conceito de pH. Força de ácidos e bases. Medição do pH: indicadores e medidores; Eléctrodo de medida de pH; eléctrodo de referência.
2-Oxidação-redução: Reacções de oxidação-redução; Acerto de reacções redox; Células electroquímicas; Potenciais de redução padrão.
3-Química orgânica: Alcanos e Cicloalcanos. Nomenclatura dos hidrocarbonetos saturados. Nomenclatura dos cicloalcanos. Grupos Funcionais: Os Álcoois e os Éteres; Os Aldeídos e as Cetonas; Os Ácidos Carboxílicos; Os Ésteres; As Aminas; As Amidas; Polímeros.
4-Química da fotografia a preto e branco: Constituição do filme PB. Mecanismos fotoquímicos de formação de imagem – Formação de imagem latente; Variação da fotossensibilidade dos sais de prata com o c.d.o.; Mecanismo de sensibilização espectral. Revelação-Agentes químicos de revelação; Equilíbrios ácido-base e redox da hidroquinona; Equilíbrio iónico do metol; Mecanismo da revelação; A forma do grão de prata metálica após revelação; Revelação química e revelação física; A superaditividade; Agentes alcalinos; Antioxidantes; Antivéu; Outros agentes. Banho de paragem. Fixação – mecanismo de fixação, composição do banho fixador. Lavagens.


Componente prática:
Estudo do efeito da superaditividade, concentração, do tempo e do pH na revelação de um positivo.

Metodologia de avaliação
Avaliação contínua
A aprovação na unidade curricular depende da execução experimental de todos os trabalhos práticos e da entrega dos respectivos relatórios (P, correspondendo a 40%) e da realização de dois testes escritos sobre a matéria teórica (T, correspondendo a 60%).

Avaliação final
A avaliação final consiste num teste escrito, em qualquer uma das épocas, sobre a matéria teórica (T).

A classificação final, quer da avaliação contínua quer da avaliação final, será a média ponderada das duas componentes segundo a fórmula: CF=0,6T+0,4P

A avaliação prática é válida no ano letivo em que é realizada e no ano letivo seguinte.



Bibliografia
- Goldsby, K. e Chang, R. (2013). Química. New York: McGraw Hill
- Hirsch, R. (1991). Photographic Possibilities ? The expressive use of ideas, materials and processes. Boston: Focal Press
- Atkins, P. (1989). General Chemistry. Nova Iorque: Scientific American
- Zakia, R. e Current, I. e Compton, J. e Stroebel, L. (2000). Basic Photographic Materials and Processes. Boston: Focal Press

Método de interação
Aulas teóricas onde são leccionadas os conteúdos programáticos propostos, aulas teórico-práticas e aulas práticas laboratoriais com a aplicação dos conhecimentos adquiridos nas aulas
teóricas.

Software utilizado nas aulas
Não aplicável.